gallery/logo monte hermom alta
gallery/site_seguro_monte_hermom
gallery/p_privacidade_monte_hermom
WhatsApp, disponível em horário comercial
gallery/561c6be058a03c0fe6fa236b891ed98d

Área Restrita

https://assessoriamh.com.br/gallery_gen/276dbdfcf1ba577ee8807815e5387fbf_150x127
gallery/cupom_fiscal_topo_sitepng_2
https://assessoriamh.com.br/gallery_gen/39dd01a8f0160693cce041dd55e77280_155.55555555556x100
https://assessoriamh.com.br/gallery_gen/21ac939124da8872313c2343fe9f6a1d_150x100
https://assessoriamh.com.br/gallery_gen/f3e1465401530572912339afdb2114e8_130x100
https://assessoriamh.com.br/gallery_gen/3a1035215eb01e10c99ccf8c0f7167b6_anim

AGENDA

Agende-se para agilizar seu processo.

Veja a seção de perguntas frequentes, sobre FGTS 

Entenda quando o FGTS não pode ser usado

A contratação com FGTS é mais detalhada, e pode requer mais tempo.

FGTS - Fundo de Garantia do Tempo de Serviço 

 

Se o imóvel a ser adquirido se localizar em município diverso daquele que exerce(m) sua ocupação principal ou nos municípios limítrofes ou integrantes da respectiva região metropolitana, deve(m) apresentar 2 (dois) comprovantes (do mesmo tipo) que reside(m) há mais de 1 (um) ano no município onde pretende(m) adquirir o imóvel (um atual e outro de um ano atrás). 

 

Comprovantes de residência aceitos:
                      - Cópia das contas de luz, água, telefone, tv por assintura, internet ou de gás;
                      - Cópia dos extratos bancários, onde conste o nome e endereço do(s) comprador(es); 
                      - Cópia das faturas de cartões de crédito, onde conste o nome e endereço do(s) comprador(es).


 

Fale com nossos consultores sobre a  utilização de FGTS. Para saber mais, veja na seção PERGUNTAS FREQUENTES mais informações 

Normas do Fundo 

Como sacar o FGTS para a compra de um imóvel

 

FGTS sempre é um tema que deixa muitas dúvidas, visto como burocrático, de difícil utilização, as pessoas acabam deixando de aproveitar esse benefício por não saber de que maneira podem utiliza-lo. Mensalmente o empregador faz um depósito de 8% sobre o salário bruto, entenda que ele não é um desconto no seu salário, e sim uma espécie de “poupança” que é feita em uma conta na Caixa Econômica Federal. Esse saldo é atualizado mensalmente e o valor anual dessa poupança é mais ou menos um salário por ano.

 

A consulta do saldo pode ser feita em uma agência da CAIXA ECONÔMICA FEDERAL ou pelo site da CAIXA através do link https://sisgr.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01 (é necessário o número do PIS para consulta).

gallery/dinheiro

Quais os documentos necessários para sacar o Fundo de Garantia?

Os documentos são bem simples, muitos você já tem em casa:
  • CTPS- Carteira de trabalho;

  • Cadastro no PIS;

  • Comprovante de residência atualizado e de 1 ano atrás;

  • Extratos das contas de FGTS (você obtém  em qualquer agência da Caixa); Clique aqui, com o PIS em mãos.

  • Imposto de Renda do último exercício;

  • Matrículas atualizadas de todos os imóveis que constem da DIRPF, mesmos os vendidos, Emitidas nos últimos 30 dias.

  • Declaração de domicílio profissional, emitido em papel trimbrado, determinando a lotação do profissional.

  • Formulários da Instituição financeira (nós entregamos a você)

gallery/222982_matrícula atualizada

Utilizando o FGTS na compra do imóvel

 

Como existem diversas regras para a utilização do FGTS, os bancos dividiram em enquadramentos, utilizando formulários de autorização de movimentação de conta vinculada, chamados de Damp. Veja abaixo os três principais enquadramentos para utilização do FGTS para o financiamento imobiliário:

 

DAMP I – Aquisição a vista com FGTS/ Percentual de entrada

  • Carência de 3 anos vinculada ao imóvel

 

DAMP II – É possível utilizar o FGTS para amortização do saldo devedor, nas parcelas ou valor da prestação. Além da possibilidade de liquidar seu saldo devedor.

  • Carência de 2 anos vinculadas ao compradorr

    Não é permitido utilização para pagamento em atraso.

 

DAMP III – Utilização no abatimento das prestações do contrato de financiamento.

É possível também utilizar o recurso para abatimento de até 80% do valor da prestação mensal do financiamento, pode ser abatido no período de 12 meses, além de poder ser utilizada para pagamento de até 3 parcelas em atraso.

Intervalo mínimo de 12 meses entre as utilizações.

Há também uma série de regras gerais, que valem para todos os casos. Confira:

.

Há também uma série de regras gerais, que valem para todos os casos.

Confira:

 

 

  • Possuir 3 anos de trabalho CLT, considerando todo o período trabalhado
  • O imóvel deve estar localizado no mesmo município de ocupação profissional ; no município onde reside há mais de 1 ano ; na mesma região metropolitana.
  • Não possuir qualquer outro financiamento no SFH (Sistema Financeiro de Habitação) ; ser proprietário de outro imóvel em fração superior a 40%, no mesmo município de sua residência.
  • Estar em território urbano; Apenas imóveis residenciais.
  • Estar enquadrado no sistema SFH, imóveis até 950.000 (SP, RJ, MG e DF). Para demais localidades o valor máximo é de 650.000.
  • O valor do FGTS deve corresponder no mínimo ao valor de 1 prestação mensal.

Veja seu enquadramento, prévio:

 

  1.  Você possui imóvel onde reside, região limitrofe ou metropolitana ?                                                                 (   ) Sim     (   ) Não
  2.  Você possui imóvel com financiamento ativo pelo SFH em qualquer parte do país?                                      (   ) Sim     (   ) Não
  3.  Você possui imóvel no municipio onde pretende adiquirir, região limitrofe ou metropolitana ?                (   ) Sim     (   ) Não

Para enquadramento é necessário que todas as perguntas acima, tenham a resposta Não 

gallery/conteudo_adicional
gallery/iconograma
gallery/marcao boca mechendo

O(s) comprador(es) deve(m) contar com no mínimo 3 (três) anos na condição de optante(s) pelo regime do FGTS. (36 meses de recolhimento).

1

2

O imóvel objeto da operação não pode ter sido adquirido com recursos do FGTS, nos últimos 3 (três) anos.

3

O valor do financiamento somado ao valor do FGTS a ser utilizado não pode ser superior ao valor de venda ou de avaliação do imóvel, o que for menor.

4

A utilização do FGTS é permitida somente para aquisição de imóvel com valor de venda ou de avaliação de até R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais) e valor de financiamento de até R$ 1.200.000,00* (um milhão e duzentos mil reais).  
* Financiamento de até 80% do valor do imóvel

5

O imóvel deve estar localizado no município onde o(s) comprador(es) exerça(m) sua ocupação principal, (admitindo-se município limítrofe e município integrante da mesma região metropolitana) ou no município em que o comprador comprove residência há no mínimo, um ano (admitindo-se município limítrofe e município integrante da mesma região metropolitana), ou, ainda, em município onde reside(m) há menos de um (01) ano (nessa última hipótese não pode(m) ser promitente(s) comprador(es) ou cessionário(s) de imóvel residencial, concluído ou em construção, com ou sem financiamento pelo SFH, em qualquer parte do Pais)

6

O(s) comprador(es) não pode(m) ser titular(es) de financiamento ativo no âmbito do SFH em qualquer parte do território nacional nem proprietário(s), usufrutuário(s), promitente(s) comprador(es) ou cessionário(s) de imóvel residencial, concluído ou em construção no município onde reside(m),, nos municípios limítrofes e na mesma região metropolitana; nem no município onde exerça(m) sua ocupação principal e nos municípios limítrofes e na mesma região metropolitana.


Obs: não é considerado promitente comprador ou proprietário de imóvel residencial, aquele que detenha fração ideal igual ou inferior a 40% de um único imóvel.

7

A prova de não ser promitente(s) comprador(es) ou cessionário(s) de imóvel residencial, concluído ou em construção, é feita com a DIRPF ou certidões dos Cartórios de Registro de Imóveis 

Os recursos de FGTS bloqueados por força de Pensão Alimentícia ou Conta Recursal (Ação Trabalhista), não podem ser utilizados.

Nas hipóteses em que o imóvel for objeto de financiamento imobiliário por qualquer instituição financeira, os recursos do FGTS não poderão ser utilizados para amortizar/liquidar o saldo devedor junto ao credor. Esses recursos somente poderão ser liberados diretamente ao(s) vendedor(es).

8

O(s) comprador(es) deve(m) apresentar extrato de FGTS expedido nas dependências da Caixa Econômica Federal – CEF, de todas as contas ativas e inativas de FGTS há no máximo 03 meses.

9

10

O(s) comprador(es) deve(m) apresentar 1 (um) comprovante de residência atualizado.

Caso o(s) comprador(es) tenha(m) adquirido imóvel financiado, ou tenha(m) imóvel declarado na Declaração de Imposto de Renda - Pessoa Física, deve(m) apresentar as Certidões das Matrículas dos respectivos registros imobiliários, constando a transferência da titularidade do mesmo.

* Sujeito às demais regras estipuladas no Manual de Utilização do FGTS e legislações aplicáveis.

11

12

13

gallery/observacao
gallery/balaoconversa_1